Com 986 cursos realizados 35.002 alunos beneficiados, entre cursos presenciais, telepresenciais e online, o mandato de Marcell Feitosa teve como prioridades a modernização; a interiorização, a acessibilidade e a qualidade do ensino jurídico.

 

A Escola Superior de Advocacia do Ceará torna público o Relatório de Atividades da Gestão 2016/2018, que tem a frente o advogado tributarista, Marcell Feitosa. O documento é referente às atividades desenvolvidas durante os três anos da gestão que conclui seu ciclo no final de 2018. A radiografia de ações revela que o mandato de Marcell Feitosa teve como prioridades a modernização; a interiorização, a acessibilidade e a qualidade do ensino jurídico.

Tecnologia; a oferta da modalidade à distância de ensino; a produção de conteúdo gratuito, o investimento em corpo docente qualificado e o equilíbrio financeiro da Instituição foram os condutores da gestão.

Clique aqui e acesse o relatório completo

 

Com o repasse insuficiente do fundo cultural feito pela OAB/CE de apenas 3%, aliado ao déficit histórico da presença da Escola no interior do Estado, Marcell Feitosa explica que o desafio do início de sua gestão era equilibrar a saúde financeira da instituição com a interiorização do ensino e com a constante qualificação e a atualização da advocacia alencarina.

“Com criatividade, investimos em reestruturação interna e tecnologia. Nomeamos coordenadores da Escola nas Subseções da OAB/CE, aproximando nossas ações e colhendo as demandas locais para orientar nossa política de oferta de cursos. Entre outros projetos, lançamos o programa ESA na Estrada e a plataforma de ensino online, Ensino sem Distância. Também passamos a monitorar periodicamente as nossas ações. O Relatório agora publicado é resultado e parte das nossas políticas de resgate e inovação da ESA/CE. Com isso, a Escola conseguiu ampliar a oferta de cursos no interior, sem prejuízo aos colegas da Capital; além de contar com a facilidade do acesso permitido pelo ensino à distância e com a manutenção da oferta de conteúdo gratuito.”, avalia.

 

CURSOS OFERTADOS, ADVOCACIA BENEFICIADA

Entre 2016 e 2018, a ESA Ceará promoveu um total de 986 cursos presenciais, telepresenciais e online, dos quais, 748 foram ofertados gratuitamente.  Somente nos cursos gratuitos, 5.439 alunos foram beneficiados com desconto na anuidade da OAB/CE. Dos cursos presenciais, 216 ocorreram em Fortaleza e beneficiaram 11.607 alunos. Um total de 116 Cursos presenciais foram ministrados nas subsecções do interior, alcançando 8.525 alunos: Aracati, Canindé, Cariri Oriental, Crateús, Crato, Iguatu, Inhamuns, Itapipoca, Juazeiro do Norte, Limoeiro do Norte, Maciço de Baturité, Quixadá, Serra da Ibiapaba, Sobral e Região Metropolitana.

A advocacia cearense ainda conta com cursos telepresenciais ofertados em todas as subsecções do Estado, beneficiando um adicional 10.465 alunos inscritos nos 638 cursos promovidos.

 

ENSINO SEM DISTÂNCIA E SEM FRONTEIRAS

Avançando nas soluções criativas para educação, a ESA/CE adotou, em 2017, a modalidade online de ensino, com conteúdo próprio. Uma nova plataforma, intitulada Ensino sem Distância, foi lançada durante a VII Conferência Estadual da Advocacia Cearense, nos dias 05 e 06 de outubro daquele ano, inaugurando um ciclo inovador da Instituição.

Além da transmissão ao vivo e gratuita da Conferência, que permanece disponível sem custo adicional, a plataforma também estreou com a oferta simultânea de 3 cursos, sendo um deles gratuito. Atualmente, com pouco mais de 1 ano de lançamento, a modalidade de ensino online conta com 10 cursos e conteúdos disponíveis, sendo 6 deles gratuitos; e já alcançou 4.053 inscrições ativas. O Programa alcançou todas as regiões do país e todos os Estados das regiões Nordeste, Sul e Sudeste, além de inscrição no Peru, o que revela o potencial dessa modalidade de ensino. Os Estados beneficiados em todo o país foram: Nordeste: Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe. Norte: Amazonas, Rondônia, Pará, Tocantins e Roraima. Centro-Oeste: Distrito Federal, Mato Grosso do Sul e Goiás. Região Sul: Paraná, Rio Grande do Sul e Santa Catarina. Sudeste: Rio de Janeiro, São Paulo, Espírito Santo e Minas Gerais

Na esteira da interiorização do ensino jurídico, outro projeto de destaque também foi lançado em 2017: o programa ESA na Estrada, que leva cursos presenciais com um mesmo tema para todas as subsecções que desejarem. O programa já promoveu 6 cursos, beneficiando 352 alunos e atendendo 5 subsecções: Crateús, Crato, Juazeiro do Norte, Iguatu, Itapipoca.

 

A ESA CEARÁ MULTIPLICA E COMPARTILHA O CONHECIMENTO DO DIREITO

Qualificar e atualizar a advocacia cearense é a vocação da ESA/CE. A Escola tem uma história de colaboração técnica e acadêmica com a ciência jurídica em todo o Estado. Para o diretor executivo, Marcell Feitosa, compartilhar conhecimento é parte fundamental desse prospecto educacional. “Promovemos um processo de aprendizagem inclusivo e heterogêneo, que requer e propicia a difusão e a interação de múltiplas perspectivas. Acreditamos que para aprender, é preciso compartilhar”, avalia.

Nessa perspectiva, em 2017, a ESA Ceará lançou o Fórum de Ideias, um espaço online, reservado para advocacia cearense publicar teses, artigos e textos relacionados ao direito e ao mundo jurídico. Para participar, basta que seja enviado um artigo técnico-científico para esace@esace.org.br  e o texto será publicado no Fórum do site da escola.

 

A ESA/CE FOMENTA E INCENTIVA O PROGRESSO DA CIÊNCIA JURÍDICA

Ainda na senda da colaboração acadêmica com a ciência jurídica, a ESA/CE conta com 3 grupos de estudo e pesquisa, dos quais dois oferecem adesão gratuita. São eles:

Núcleo de Estudos em Direito e Processo do Trabalho (NEDTRAB). Foi criado em maio de 2016 e desde então ocorre quinzenalmente. Com uma média de 30 participantes por encontro, mais de 189 advogadas e advogados já passaram pelo NEDTRAB. O grupo vem produzindo artigos ao longo dos anos e o intuito é publicar uma coletânea de toda a produção.

Grupo de Estudos da Comissão de Direito Previdenciário. Criado em 2017, ocorre uma vez por mês, com cerca de 20 alunos por encontro. A adesão é livre para os membros da Comissão de Direito Previdenciário e a cada encontro são disponibilizadas 10 vagas para o público externo, mediante inscrição prévia.

Núcleo de Advocacia Empreendedora (NAE). Implantado em 2017, o NAE estimula a ética, o profissionalismo e a busca de soluções inovadoras para as demandas do mundo corporativo no ramo da advocacia. Um total de 432 alunos já foram beneficiados com a realização de quatro cursos e um webinar gratuito.

 

CORPO DOCENTE QUALIFICADO. CAPACITAÇÃO DE EXCELÊNCIA

Investir em um corpo docente qualificado também é o objetivo da ESA/CE. Entre 2016 e 2018, a ESA/CE abriu oportunidade para a atuação de jovens professores, sempre garantindo uma capacitação de excelência.

Dos 267 professores mobilizados nos cursos e eventos da capital e do interior a ESA/CE contou com 2 Pós-doutores, 37 Doutores, 88 Mestres e 140 Especialistas.

 

A ESA CEARÁ VALORIZA A ADVOGADA PROFESSORA E O ADVOGADO PROFESSOR

Em 2016, a ESA Ceará realizou uma grande campanha publicitária de valorização da advogada professora e do advogado professor. A campanha venceu concurso nacional realizado pela Escola Nacional de Advocacia (ENA) e foi veiculada em todo o Brasil.

Para o diretor executivo, Marcell Feitosa, ser escolhido dentre tantas outras escolas representa um reconhecimento fundamental do trabalho que a seccional vem realizando: “Primeiro, ressalto nosso pioneirismo. Não tenho notícia de que a ESA/CE tenha vencido algo do tipo no cenário nacional. Segundo, demonstra que estamos na vanguarda de um movimento importante de valorização dos colegas advogados professores, tão essenciais para o desenvolvimento das atividades da ESA”, afirma.

Marcell Feitosa também ressalta que a ESA/CE vem legitimando há algum tempo a importância desses profissionais: “Já estamos fazendo o nosso dever de casa quando remuneramos os advogados professores com valores acima dos praticados pelas instituições de ensino superior. Entendemos que quem aprende com advogado professor aprende duas vezes, pois tem nesse profissional a oportunidade de absorver a teoria e a prática”, conclui.

O Relatório da Atividades ainda contabiliza as parcerias institucionais firmadas durante os anos de gestão, fundamentais para garantir o apoio e a expertise de entidades públicas e privadas em benefício da advocacia cearense. Ao longo dos 3 anos de gestão foram consolidadas 115 parcerias efetivas e somente em 2018, 1640 alunos beneficiados com os eventos e cursos promovidos por meio dessas parcerias.